As primárias no Indiana são fundamentais para a manutenção de Ted Cruz na campanha eleitoral. O “Politico” escreve que os principais financiadores vão deixar de apoiar o senador do Texas em caso de derrota. Nuno Gouveia também acredita que “fica numa situação ainda mais desesperada“. O termo é utilizado pelo autor do blogue “Era uma vez na América” para qualificar os últimos actos políticos de Ted Cruz, em particular a nomeação de Carly Fiorina para Vice-Presidente dos Estados Unidos. O especialista recorda que normalmente o anúncio do Vice-Presidente acontece após a nomeação. Nuno Gouveia considera que “Fiorina representa muito pouco dentro do Partido Republicano“. No entanto, as esperanças de Cruz roubar delegados a Trump na segunda votação da Convenção continuam intactas.

A primeira eleição do mês de Maio acontece após Hillary Clinton e Donald Trump terem vencido as principais primárias em Abril. Apesar dos números conquistados pela antiga secretária de Estado norte-americana e o empresário, Nuno Gouveia entende que “vamos ter primárias até ao fim“, tendo destacado a situação de Hillary Clinton.

Os dois favoritos nos republicanos e democratas começam a se preocupar mais com o provável adversário em Novembro do que com os concorrentes internos. Hillary Clinton tem tempo para conquistar os eleitores “moderados e descontentes com Donald Trump“.

Advertisements