Tags

Fotografia0225

O reforço da solidariedade entre os países europeus é a única forma de resolver a recente onda de imigração que atingiu a Europa nos últimos dois anos. Os responsáveis europeus continuam a bater na mesma tecla sempre que o tema é motivo de discussão.

No segundo dia da Eurolat os movimentos migratórios internos e externos foram a principal preocupação. Alguns deputados revelaram que o recente acordo alcançado com a Turquia tem tido resultados positivos. Por diversas vezes, os membros europeus destacaram o trabalho que está a ser feito com o país liderado por Erdogan. No entanto, existem lacunas como a falta de realismo e afecto por parte da comunidade internacional.

O tema da imigração preocupa mais os países europeus, enquanto o financiamento dos partidos políticos motivou reflexões dos parlamentares sul-americanos, em particular do argentino Ángel Rosas, bem como dos representantes da Bolívia. O senador considera que “o financiamento dos partidos tem a ver com a recuperação da confiança pública“, tendo reiterado a necessidade de também “regular os grupos de pressão“.

Advertisements