O Partido Popular voltou a ganhar as eleições legislativas em Espanha, mas sem maioria absoluta. A força liderada por Mariano Rajoy conquistou o primeiro lugar, embora necessite de uma coligação para o programa de governo passar no parlamento espanhol. No entanto, o único partido que pode estar ao lado do PP não obteve lugares suficientes.

O Ciudadanos ficou em último lugar com 32 deputados.

Os partidos de esquerda ficaram em segundo e terceiro lugar. O PSOE de Pedro Sanchéz ficou com 85 deputados, enquanto o Podemos de Pablo Iglesias teve 71. As duas forças políticas não podem formar maioria parlamentar.

Advertisements