O Parlamento Europeu chegou a um consenso sobre as prioridades da Europa para o próximo ano, tendo em conta as consequências políticas,sociais e económicas do Brexit. O objectivo passa por melhorar as condições de vida e de trabalho dos europeus, reforçar a cooperação económica e a segurança, além de responder aos problemas dos refugiados e do aquecimento global.

A eurodeputada socialista, Maria João Rodrigues, revela que existe “desalento pela forma como a Europa está a ser conduzida” por causa do desemprego e pobreza que afecta as gerações mais jovens.

Nos últimos dias alguns dirigentes europeus mostraram desconforto face ao resultado do referendo britânico. No entanto, os socialistas acreditam que “neste momento não se pode atacar as instituições europeias, nem transformar a Europa num campo de batalha”.

O documento debatido no Parlamento Europeu que contou com a forte participação dos socialistas tem a certeza que nenhum país sozinho consegue fazer face aos inúmeros problemas da Europa.

Advertisements