As conversações entre o Reino Unido e a União Europeia deverão começar apenas dentro de um ano. O antigo presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy, disse à BBC que o início do processo de saída só têm início após as eleições na Alemanha que estão marcadas para Setembro de 2017.

Van Rompuy considerou que o Brexit foi “uma amputação política”, tendo dito que cabe ao Reino Unido dar o primeiro passo para a saída.

O calendário beneficia a primeira-ministra Theresa May, que afirmou várias vezes não invocar o Artigo 50 do Tratado de Lisboa antes de 2017.

O dirigente belga teceu críticas ao antigo primeiro-ministro David Cameron e acredita que o resultado do referendo fez com que os britânicos ficassem sem muitos amigos.

Advertisements