Os dois candidatos da esquerda mais votados na primeira volta realizadas no Domingo têm poucas hipóteses de vencerem as presidenciais de Abril.

O antigo ministro de François Hollande, Benoit Hamon, alcançou 36.1% contra 31.2% do ex-primeiro-ministro Manuel Valls. O vencedor da primeira volta garante que os eleitores transmitiram uma mensagem de mudança no país.

No confronto que termina no próximo Domingo defrontam-se dois sectores do Partido Socialista, mas sobretudo facções que discordam do trabalho realizado pelo actual Chefe do Estado. Nesta corrida também concorre o independente Emmanuel Macron que tem conquistado popularidade.

Advertisements